/* Facebook Like button

quarta-feira, 30 de junho de 2010

Giovedì, sonho ñ é coisa de outro mundo não

Bom dia, bailarinos!

Primeiro de julho no meu e no seu calendário. E a Lua ingressou o grande mar, os Peixes. Peixes é doidivano. Peixes é inspirado. Peixes-Sereia-tubarão. Peixes é todo mundo. Um Peixe tá aqui. O outro sabe-se lá onde. A Lua sorri para Plutão e a compaixão pode transformar a sua vida. Acalmar a turbulência de sentimentos. Ajudar quem precisa também é transformador. Às vezes uma pequena atitude amorosa faz toda a diferença na vida de uma pessoa. E quanto mais a gente se dá a vida, mais ela nos dá de volta.

Peixes é luxo ou lixo. E quando solidário e ñ vítima, é rico.

A propósito, querem saber como conquistar um pisciano(a)?



À tarde, a Lua sorri para o Sol. E o dia fica um doce de coco. Sonhar e devanear trazem tranquilidade emocional. E lubrificam nossos ânimos. Sossegam os sentimentos. Ou os transbordam. E sentir é tudo de bom. A lágrima lava a alma.

A Lua também faz trígono com Mercúrio e oposição a Marte, na madrugada. Que tal escrever poesias, hein? Concretizar o sonho através da comunicação. Sonho não é coisa do outro mundo não. O dia/noite é bom para ouvir canções. Fazer declarações. Ou mesmo prestar serviços. O serviço ao corpo, o serviço ao outro, serve também à alma.

Faça do seu dia poesia. A poesia é uma forma de oração.

E buon giovedì!
Continue lendo...

Prato do dia: Borboletas com verduras e camarões

Para o Sol em Câncer e a  Lua em Aquário do dia, um prato para voar na delícia de estar vivo. E para receber os amigos em casa. Farfalle con verdure e gamberetti. Farfalle em italiano é borboleta. La pasta se chama assim porque tem formato de asinhas que parecem borboletas. Vejam:



E o camarão é para a gente ficar na família dos crustáceos caranguejos.

Ingredientes: (para 4 pessoas)

400 gr de farfalla
100 gr de vagem
200 gr de camarão (pequeninos)
50 gr de alcaparras
100 gr de azeitonas sem caroço
1 abobrinha
1 cenoura
1 berinjela
1 mozzarella di bufala
4 folhas de manjericão
2 pacotinhos de açafrão
1 macinho de erva-doce
1 cebola
2 dentes de alho
4 tomates maduros
sal, pimenta moída e pimenta vermelha

Modo de preparar:

Corte em cubinhos todas as verduras. Frite o alho e a cebola com um pouco de óleo. Depois acrescente as verduras, salgue e ponha pimenta à gosto. Em uma outra travessa, coloque os camarões, a mozzarella cortada em cubos, as alcaparras, o manjericão e as azeitonas.

Faça a massa. Escorra-a al dente. E misture o molho com as verduras. Por último, acrescente a mistura de camarão com mozzarella e...Voilà!

Sirva com um bom vinho branco do seu gosto. Se achar por aí, aconselho o Cinque Terre Bianco DOC

E buon appetito!
Continue lendo...

terça-feira, 29 de junho de 2010

Mercoledì: da vanguarda ao surrealismo

Bom dia, buongiorno e bonjour!

O dia amanhece com a Lua no Aguadeiro. O dia é de Mercúrio, mas o o verso é livre. No mouse ou na Bic. Antenas ligadas aqui, ali e acolá. Aquário quer mais é trocar, quer o novo, o não pensado. Aquário é vanguardista. E movimentos assim de quebra da tradição só podem ser feitos em grupo. Cada qual colabora com uma ideia. Com sua marca pessoal, com sua individualidade. E aí a rede se forma. E fica linda e forte. Sustentada por fios invisíveis e amorosos. Ah, e Aquário não suporta mesmice. Aquário não quer ser igual. E corre o risco de ser o diferente só por birra, sabe? Ou não!

Senhor
Que eu não fique nunca
Como esse velho inglês
Aí do lado
Que dorme numa cadeira
À espera de visitas que não vêm

(Primeiro caderno do aluno de poesia de Oswald de Andrade)

No início da noite, a Lua casa com Netuno. E o povo fica sonhando com outros mundos. Como fez o Julio Verne. E deu certo, né? O cara imaginou mil coisas que não existiam. E pá! Hoje elas existem. Era aquariano ele, sabiam?
E no finalzinho da noite a Lua ingressa o vasto mar de Peixes. O dia termina surrealista. Abraçando Morfeu, ou dando as mãos pro Mirò. Esta mão do Mirò parece mais um pé, não?

Joan Miro. Hand Catching a Bird. 1926.

E para finalizar, hoje, temos também Sol e Mercúrio aplicando um sorriso a Marte em Virgem. E a comunicação tona-se precisa, focada e, ao mesmo tempo, cuidadosa. A gente passa comunicar sentimentos, a ouvir a intuição. É ação amorosa, pura e simples. Nos negócios, esses dois juntos possuem alto poder de barganha. Sabem negociar e dar a famosa choradinha. O dia é bom também para fazer reparos em casa. E deixar tudo funcionando direitinho. Cuidar da casa para ela cuidar de você. Vale também, e muito, os cuidados com o corpo: alimentação, esporte e saúde. Cuide-se. O corpo é a morada da alma.

E Buon mercoledì
Continue lendo...

Martedì: nem choro nem vela, quero uma fita amarela ...

Bom dia, bom dia, bom dia, bom dia, bom dia, 6 x bom dia! :-)

Eu vou lhes dizer que mal consegui ver o jogo. Estava com amigos em casa e vi muito pouco da partida. Mas vi que o Brasil fez 3 gols. Ahá! E pus uma fita amarela na minha blusa verde para dar sorte :-) E acho que deu.

E hoje a Lua segue no Aquário, querendo interação com o mundo. O dia segue de mãos dadas com as mil idéias, com o inusitado. E o imprevisível mostra o seu charme. A gente adota uma postura mais objetiva e racional frente às coisas. Se envolve menos e tem maior liberdade. E isso é bom para ver tudo com mais clareza. E sem muito drama. Viva Aquário :-) Adorei esta imagem de Aquário bailarino que achei no Blog Astra:


E adorei os Pixies em meio a esta esquisitice:



À noite,  a Lua se opõe a Vênus-Rainha, a Vênus leonina. Daí o drama entra em cena e ação. A Vênus quer afeto e caloooor. Pode pintar alguma insatisfação, mas o melhor é tentar equilibrar as próprias necessidades com as necessidades das pessoas à nossa volta, com os quereres da nossa turma. E seguir leal ao amigos do peito. Com generosidade.

Buon martedì!
Continue lendo...

segunda-feira, 28 de junho de 2010

Astrologia em versos: os trabalhos e os dias de Esíodo no inverno!



Esíodo e uma Musa, de Gustave Moreau. Paris, Musée d’Orsay.

Ao lado de Homero, os gregos colocaram Esíodo como seu segundo grande poeta. Esíodo nasceu na Beócia e viveu durante o século VIII a.C.  O poeta se envolveu com assuntos bem diferentes do mundo da aristocracia e sua cultura. Esíodo se ocupou do mundo dos camponeses. De um mundo cujo valor é o do trabalho. Para o poeta, assim como valorosa é a luta do herói com seu adversário, é também heróica a luta silenciosa e tenaz do trabalhador com a terra dura e com os seus  elementos. 
Esíodo escreveu os  Traballhos e os Dias de modo a orientar os camponeses com os trabalhos no campo, de acordo com as estações do ano. Assunto caro à Astrologia esse. Assim como os astros também são caros a orientação dos trabalhos no campo. Na época, trabalhador do campo não era sinônimo de atraso, nem de pobreza. E o poeta se dirige a todos os homens da 'vila', mas fala diretamente a seu irmão Perse, pois este administrava muito mal os bens herdados da família. E os dois passaram a brigar com a intermediação da justiça. Esíodo, nesta obra, queria fazer ver ao irmão que o grande valor está na força do trabalho. No trabalho que dignifica e educa o homem, que o salvaguarda do infortúnio. O tema casa muito bem com o dia de hoje. com a Lua em Capricórnio sorrindo para Saturno em Virgem.
A tradução que segue é da terceira Parte, 'os trabalhos', versos 493-563, o Inverno. Vocês verão como a descrição do Inverno casa-se bem com o signo de Capricórnio.
Esiodo, 'Le opere e i giorni'
(E a tradução é livre do italano para o português)
 Inverno  

Levanta-te,  de frente à banqueta do ferreiro e à quente pública sala, de inverno, quando o frio interrompe os trabalhos nos campos: o homem operoso também neste momento faz crescer seus bens. As dificuldades de um inverno cruel não te surpreendam na miséria, de modo a fazer-te apertar com a mão escarna o pé enregelado. O homem ocioso frequentemente coloca em mente falsas esperanças e, privo de meios, muitas reprovações dirige ao seu coração. Esperança não boa acompanha o homem indigente, que senta na pública sala e que não possui bens suficientes .
Tu, ao invés disso, grite aos teus servos:
‘Não dura para sempre o verão! Construam cabanas!”
Evita o mês de Capricórnio – dias bem tristes que pelam os bois!- e os gelos que sobre a terra importunos se formam, quando sopra Bóreas da Trácia nutridora de cavalos, e soprando remexe o vasto mar, enquando urram a terra e a floresta. Muitos carvalhos das grandes folhas e pinheiros maciços nos barrancos dos montes dobram-se à terra dos tantos frutos, abatendo-se sobre eles, e toda a grande selva ressoa.
Tremem de frio as feras; mesmo aquelas que têm o pelo quente fecham ao ventre o rabo; o vento gélido soprando penetra também nelas, ainda que tenham pelo abundante; e passa através da pele bovina que não consegue impedi-lo, e através da longa penugem das cabras; mas a violência de Bóreas, que encurva o velho, não penetra nas ovelhas que têm lã abundante, nem toca a macia virgem a qual senta dentro de casa, perto da sua querida mãe, ainda ignara das lisonjas da áurea Afrodite e, lavado o macio corpo e untando-o de óleo abundante, dorme dentro de casa, na noite invernal, quando o polipo rói os pés * na sua casa sem fogo e nos seus tristes cômodos: o sol, de fato, não os mostra um campo onde correr, mas se volta sobre a cidade e sobre a gente escura e mais brevemente se mostra a todos os gregos. Então, as feras cornudas que habitam os bosques, e aquelas sem cornos, fogem com penoso ranger de dentes pelos bosques e vales e todas têm em mente um só pensamento: onde, procurando um refúgio, podem haver sólido abrigo e rochosas cavernas, enquanto os mortais,  parecidos com o ser de três pés, ( o velho com seu cajado) que tem as costas curvadas e a face voltada para o chão, a esse de modo similar caminham para fugir da cândida neve. 
Envolva, como te digo, a defesa do corpo, um macio manto e uma túnica que chegue até os pés, que seja cheia de tramas ; assim te vestirás de modo que os pelos permaneçam firmes, nem levantando-se sobre o corpo dêem arrepios. Calça teus pés com calçados de bois que tenha sido morto, bem cômodo, e por dentro forrados de feltro. Assim que chegar o frio agudo da estação, costure com nervo bovino as peles de cabritos primogênitos para cobrir-te os ombros abrigando-os da chuva e coloca-te sobre a cabeça um chapéu de feltro trabalhado com cuidado para não ensopar-te as orelhas. O amanhecer, de fato, é gélido quando sopra Bóreas; sobre a terra desce do céu estrelado a brisa da amanhã que fecunda os terrenos dos afortunados patrões e que, surgindo dos rios perenes, ergue-se sempre mais em alto sobre a terra dos ventos tempestuosos. Frequentemente ao vésper, ele se transforma em chuva, e às vezes sopra como vento quando Bóreas turbina as densas nuvens. Tu precaveja-te e, terminado o trabalho, abrigue-te em casa, de modo que a tenebrosa  névoa que cai do céu não te envolva e não molhe teu corpo, encharcando as vestes. Atenção! Funesto é este mês invernal, funesto aos animais, funesto aos homens. Dê aos bois metade da ração, aos homens, ao contrário, maior nutrimento; as longas noites são reparadoras. Observando estes preceitos de modo que o ano inteiro cumpra o seu curso, compensa as longas noites e os dias, de modo que a terra, alma mãe de todos, dê todo o seu fruto.
* expressão enigmática e oracular que refere-se ao inverno.

Fim!

Não é um ato de amor esses preceitos de Esíodo? De um lado, a seriedade, o planejamento e o trabalho de Capricórnio. Para que, de outro, tenha-se a nutrição, o aconchego e o calor necessários de Câncer.
Continue lendo...

domingo, 27 de junho de 2010

Lunedì, velha infância!

Bom dia e boa semana, bailarinos!

Dia de Lua e a segundona amanhece com a Lua em Capri, a Lua que tem foco no trabalho e no planejamento da subida à montanha. E a Lua cabra faz trígono com Saturno em Virgem. A manhã é propícia para organizar, trabalhar, planejar. Pôr ordem em tudo. A semana começa séria e responsável. #trabalhemos

E Sol e Mercúrio bailam juntos uma melodia doce no céu de Câncer. Alegria remota, pois Mercúrio traduz emoções, através da arte e da memória. Tô lendo este livro e deliciando-me: " Aquele turbilhão de vento noturno me havia, como acontece, inesperadamente remetido sob a pele e as narinas uma alegria remota, uma daquelas nuas recordações segretas como o nosso corpo, que lhe são, diria-se, conaturais, desde a infância! " 

Ferie d'agosto di Cesare Pavese - tradução livre minha.

E o povo que tá em férias quer mais é estar com a família, em segurança. nutrindo-se de memórias. Do conhecido. Quem trabalha, continua mais com seus botões. Querendo casa colo e bolo de fubá da mãe. Chazinho ao lado do computador. Sonho com os cobertores. Ou picolé ao sol. Quem consegue comunicar-se com cuidado e carinho, mesmo no trabalho, sente-se bem e nutrido. Um ambiente de trabalho com alma é tudo, não é?

Depois a Lua encontra Aquário.  A Lua encontra os amigos. E o vento volta a soprar enchendo o dia de brisa. Aí, o dia passa a trocar ideias. A confabular e fazer planos para o futuro. A Lua sorri para Júpiter/ Urano em Áries. E a inovação e o pioneirismo estão com tudo. O dia fica irreverente, louco para fazer e sentir coisas novas. O dia pede que, mesmo dentro de um lugar seguro, a gente busque o o inusitado. Porque assim a vida tem mais sabor. O dia sabe que é com os amigos que se cresce. Com os amigos é que a vida fica leve, cheia de novas soluções. É ou não é?


Sol em Câncer e Lua em Aquário e eu não vejo a hora de abraçar meus amigos históricos na minha terra chamada Brasiiiil! :-) E hoje é dia de torcer!



Excelente e profícua semana a todos nós!
Continue lendo...

sábado, 26 de junho de 2010

Domenica: telhados de Paris

Bom dia, pessoas todas!

A Lua segue subindo a montanha de Capricórnio, séria e determinada. E a Lua Cheia segue transbordando consciência. Trazendo o passado para o presente. Querendo resolver o que veio à tona, aquilo que estava pendente. Para assim construir melhor o futuro. Agora, ainda que a Lua seja Cheia, é melhor estar mais consigo mesmo, conversando com os próprios botões. Ou com alguém mais velho e/ou experiente. E longe de situações de risco. Planejando e confabulando.

Bom dia para estar com família. Sem muita chacrinha, pois hoje o mensageiro dos deuses, Hermes-Mercúrio, encontra Plutão. Desce ao Hades para buscar o creme de Perséfone. Para voltar mais  rico. Contudo, no entanto, todavia, viagens ao escuro do mundo requerem cuidado, por isso toda atenção é pouca, certo? Cuidado na rua, cuidado no trânsito, cuidado com esquinas escuras:

Foto tirada nas minha andanças pelas ruas de Lyon, França

A comunicação hoje se dá em outro nível. So...afine suas antenas, suas orelhas. Fique na escuta!

E o domingo termina com a cabeça na segunda. E esta começará já com a mão na massa. Mas amanhã a gente fala disso.

Por enquanto deixo vocês com os telhados de Paris deste capricorniano:


Buona domenica
Continue lendo...

Partilha e agradecimento à Lua

Nas comunidades tradicionais, reunir-se era algo fundamental. Seja para trocar objetos, partilhar experiências, ou mesmo contar estórias. Um objeto que não servia mais a alguém poderia ser de suma importância a outrem. Uma partilha poderia enriquecer e clarear algo para um membro da comunidade. Uma história para divertir e curar. Fazemos isso com nossos amigos, fazemos isso à mesa com a família. E fazemos isso também pela internet nos inúmeros blogs que têm por aí, aqui e acolá e que falam coisas que estão dentro de nós.

E Mercúrio está em Câncer.


Por isso pego o Bastão que fala, o caduceu de Mercúrio caranguejo, se preferirem, usado em muitas tradições nativas americanas e apresento aqui o meu sagrado ponto de vista: minha partilha do pedido à Lua.

Partilha 1: Este mês a minha lunação foi de casa 2, a casa dos recurso$, dos aliados, dos valore$. E meu Mercúrio natal é de casa 10, a casa da vocação, da carreira e dos talentos que trazemos ao mundo. Acho que meu talento é comunicar e prestar serviços ao encantamento, ao reencantamento do mundo. E este mês eu tenho um resultado bem concreto para compartilhar.

Estava claro pra mim que a lunação pedia uma renovação dos recurso$ em forma de matéria, talentos e aliados. Para que eu possa desenvolver melhor o meu trabalho. Foi isso que pedi à Lua. E eis que meu note (que já ñ estava muito bem nos últimos meses), pifou total! Na hora pensei: pô, Lua! Como assim? Mas logo me dei conta que era isso mesmo, que era preciso renovar e já! Meno male que não perdi o que tinha, vou recuperar tudo no Brasil. Promessa do Marcelo e eu confio!

Mas eu tive que esperar uma semana e alguns dias para comprar um novo. E esperar, vocês sabem, é tarefa non grata. Porém, graças ao moço aqui de casa, que deixou o note dele comigo e usou um emprestado do Politecnico di Milano, eu pude continuar trabalhando. O note chegou ontem, às vésperas da Lua Cheia. E eu havia, sem querer e apressadamente, riscado toda a Lua, ontem. Ao invés de completá-la hoje. hahahaha

Este mês recebi alguns presentes inesperados, também. Uma amiga me mandou pelo correio dois belíssimos tarôs. Um deles eu já tinha e o outro, bem o outro, neste momento, tá aqui do meu lado. Adorei a linguagem do Tarô Encantado. Eu estudo e coleciono tarô há alguns bons 10 anos. Tenho algumas amigas que fazem questão de tirar cartas comigo e pagar. Mas nunca assumi o tarô como profissão. Já tenho a Astrologia, a Língua Portuguesa  e Italiana , as literaturas e sempre achei que era coisa demais já. Bem coisa de Gêmeos mesmo, que faz mil coisas. Entretanto, de algum um tempo pra cá venho pensando seriamente nisso. Esses tarôs que vieram pelo correio numa lunação em Gêmeos e de casa 2 me pareceram uma mensagem do universo. Lembro que com a Astrologia foi assim. As pessoas passaram a pedir para que eu fizesse o mapa e que fizesse um preço. 

E de ontem pra cá que isso tudo se iluminou, está no ápice mesmo. Como a Lua grávida no céu. Por isso agradeço à Lua, ao universo, aos meus aliados. Especialmente ao Marcelo e à Ligia. E convido a quem quiser partilhar a respeito do seu pedido à Lua que o faça!

E passo o bastão que fala...

Partilha 2: Dani partilhar tem sido tudo prá mim nos últimos tempos, pelos blogs e comunidades tenho partilhado conhecimento, carinho e amizade e foi assim que conheci as meninas do grupo Mulheres de Atitude com quem estive ontem e vivenciei mais um momento de partilha divino!
Pessoalmente deixo aqui o meu relato sobre esta lunação em Gêmeos que caiu na minha Casa 12/1, sou eu me colocando novamente em movimento, iniciando o desenvolvimento de novos projetos, profissionais e de vida mesmo. Profissionalmente utilizando meu conhecimento, desenvolvendo um projeto arquitetônico, depois de 2 anos dando um tempo...
E pessoalmente assinando um contrato para a compra de uma nova casa, nos dois casos mexendo com papéis, documentos e indo de cá, prá lá e de lá prá cá. Coisas bem geminianas.
Eis que chega a Lua Cheia em Capricórnio, bem na minha casa 7, os novos projetos se definem hoje, nova parceria no projeto arquitetônico já iniciado e aceite do contrato da nova casa. E olha o Sol em Câncer envolvido, criando novas bases pessoais e familiares prá mim!
A natureza é sábia e o cosmos é divino!!!!
A Lua Cheia faz trígono com minha Vênus natal que está na 2/3 em Virgem, #oremos
bjs

Maria Aguiar
Continue lendo...

sexta-feira, 25 de junho de 2010

Sabato: Lua Cheia e eclipse lunar

Lua Cheia em Capricórnio, Novara

Boa madrugada e/ou bom dia, bailarinos!

Hoje é Lua Cheia. O dia transborda de consciência. Andou caindo um fichário por aqui. O entendimento e a consciência trazem paz e também curam. Hoje é dia de riscar a última nesga de Lua e agradecer o Pedido à Lua.  Essa Lua Cheia é de Câncer. Lua Cheia em Capricórnio, de  mãos dados com Plutão. Cada vez mais sinto com força que o grande poder é o da transformação. O céu forma uma grande cruz cardinal. Parece que o céu está a fazer um parto. Algo novo vem aí. Desde que a gente solte o velho, desde que a gente use o sal do passado para temperar o futuro. Lua Cheia de Câncer mais eclipse lunar em Capricórnio, isso acontece quando a Lua está Cheia e quando a sombra da Terra obscura a Lua. Na Terra, o mundo todo está torcendo por seu próprio país. Nada mais canceriano que isso, né? E a gente com o desafio em mãos, o de deixar ir...

O significado dos eclipses no mundo antigo não era dos melhores. Homero, por exemplo, acreditava que num eclipse o astro "morria" e, apesar dos antigos já conhecerem e até preverem eclipses, desde II a.C, se acreditava que nessas ocasiões a Lua era roubada, era vítima de sotilégios e rituais mágicos.























Para evitar que a Lua fosse roubada, ou caísse do céu criou-se o hábito de produzir barulho, batendo em objetos de bronze, tocando trombas e cornetas durante o eclipse. Hahahahah nem vou dizer mais nada. Entretanto, para a Astrologia, o significado dos eclipses, hoje, marca um momento de grande potência energética porque se unem de maneira particular três grandes forças cósmicas: o Sol, a Lua e a Terra.

Em termos mundiais, já está bem claro o que está acontecendo. A Copa do Mundo é a grande protagonista, o grande baluarte desses aspectos no plano coletivo, neste momento. Como diz o @deldebbio 'A França desistiu, a Alemanha vai massacrar a Inglaterra e os Americanos decidiram jogar no último minuto. Parece 2a guerra'.  Já para saber como isso atua no próprio mapa, é preciso um astrólogo. Ou mesmo um amante, ou estudante de Astrologia.


E o conselho segue o mesmo: fuja de discussões, brigas, lugares e situações de risco, ok? Lua e Plutão acionam o escuro do mundo. Pro bem e pro mal.


E buon sabato!
Continue lendo...

quinta-feira, 24 de junho de 2010

Venerdì, juba exuberante!

Olá, bailarinos!

Sexta-feira, dia de Vênus, uhú! E a Vênus em Leão sugere que a gente dê um trato na juba, por que não? E a gente segue caminhando em beleza exuberante, ainda mais que a Lua sagitariana segue pondo fogo no céu, exaltando os ânimos dos viventes. O dia é dos coxões da Beyonce para cavalgar com a Lua em Sagitário, mais a juba de Leão dela para brilhar com a Vênus em Leão. Só não ponho uma música da Diva aqui, porque não gosto de nenhuma mesmo.


Mas a @annacarlaadv do Caderno de Cabeceira me passou esta da Beyonce interpretando Etta James e eu curti:



E hoje Mercúrio ingressa as águas de Câncer. Leia aqui: Mercúrio em Câncer!

E a Lua, à noite, quadra Saturno e sorri para Netuno. Saturno põe um freio no entusiasmo sagitariano para que a gente possa construir, de fato, nossos sonhos. Com tempo e trabalho. Sem Saturno não somos ninguém, essa é que a verdade.

No final do dia, o céu fecha uma grande cruz Cardinal. Lua e Plutão em Capricórnio, Sol e Mercúrio em Câncer, Júpiter e Urano em Áries e Saturno nas barbas de Libra. É um novo tempo mesmo. Tempo de deixar o velho pra trás. Deixar que o sal do passado dê gosto ao futuro. Mas cuide-se, certo? Repito: fuja de qualquer situação que envolva violência e discussões. Fique em lugar seguro, hoje. Cuide-se no trânsito, pois o imprevisto está à solta. Proteja-se das tensões. Não dê  murro em ponta de faca por ai. Todo cuidado é pouco. Se sobrar tempo, reze para que eu, você e o mundo façamos o parto do novo nas nossas vidas. Sem traumas, sem ferro e sem fogo. E sem bombas.

Agora, meno male que a Copa do Mundo está aí para configurar essas tensões todas, no campo e fora dele. Nada mais apropriado, já que Áries é chegado numa competição. Poderia ser mais bonito que isso, né? Mas pelo menos não tem ninguém matando ninguém por aí. Futebol é o melhor lugar pra gente xingar, pra gente soltar o fanatismo, os bichos todos. Né não?

E no sábado ainda tem Lua Cheia e eclipse!  Mas amanhã a gente fala disso. A propósito, estão pintando o Pedido à Lua?

Boa sexta-feira pra nós!
Continue lendo...

Mercúrio em Câncer

'O nome Cordisburgo, cidade onde nasceu Guimarães Rosa,  foi dado em homenagem ao padroeiro da cidade, o Sagrado Coração de Jesus. A etimologia vem do hibridismo: cordis, do latim, que significa "coração" e burgo, do alemão, que significa "vila" ou "cidade". ' Foto e texto de Izan Petterle


Hoje Mercúrio está se despedindo das sandálias aladas de Gêmeos. E deve prestar contas a Saturno antes de ingressar as águas de Câncer. Eu já fiz a minha lista aqui do que tenho pra fazer e até já risquei alguns itens. Mercúrio, a partir de amanhã, vai começar a andar de ladinho, que nem os caranguejos na praia, ou no mangue. E ao menor sinal de perigo vai sair correndo.

A comunicação ficará, assim, sensível, empática e sutil. Com tendência a proteger o que se pensa, a cuidar com o que se fala. Ou assim como  a "hora da palavra quando não se diz nada, fora da palavra, quando mais dentro aflora..."

Esta música abaixo, Caetano e Milton compuseram em homenagem ao Guimarães Rosa, patrono e fonte de inspiração do Baile no Céu! E o fizeram inspirados no conto "A terceira Margem do Rio" do Rosa.



A letra é um primor:

A terceira margem do rio,
Composição: Caetano Veloso/Milton Nascimento
 
Oco de pau que diz:
Eu sou madeira, beira
Boa, dá vau, triztriz
Risca certeira
Meio a meio o rio ri
Silencioso, sério
Nosso pai não diz, diz:
Risca terceira
Água da palavra
Água calada, pura
Água da palavra
Água de rosa dura
Proa da palavra
Duro silêncio, nosso pai
Margem da palavra
Entre as escuras duas
Margens da palavra
Clareira, luz madura
Rosa da palavra
Puro silêncio, nosso pai
Meio a meio o rio ri
Por entre as árvores da vida
O rio riu, ri
Por sob a risca da canoa
O rio riu, ri
O que ninguém jamais olvida
Ouvi, ouvi, ouvi
A voz das águas
Asa da palavra
Asa parada agora
Casa da palavra
Onde o silêncio mora
Brasa da palavra
A hora clara, nosso pai
Hora da palavra
Quando não se diz nada
Fora da palavra
Quando mais dentro aflora
Tora da palavra
Rio, pau enorme, nosso pai


Caetano e Milton captaram a voz da águas de Rosa. Rosa tinha Mercúrio em Câncer, na verdade Rosa tinha todo um mangue (um stellium) em Câncer: Sol, Mercúrio, Vênus, Marte e Netuno. E lá do outro lado da carta, o bruxo das letras brasileiras tinha Urano em Capricórnio. A pena canceriana de Rosa fazia oposição quase exata a Urano, quando João nasceu. Por isso descreveu e criou um outro sertão, um sertão diferente que supreendeu a todos. Um Grande Sertão: veredas. O Sertão é de Capricórnio e as veredas são cancerianas. E o Sertão e as veredas de Rosa tornaram-se universais.

E memória é de Câncer, não é? Confiram:

Quando escrevo, repito o que já vivi antes.
E para estas duas vidas, um léxico só não é suficiente.
Em outras palavras, gostaria de ser um crocodilo vivendo no rio São Francisco. Gostaria de ser um crocodilo porque amo os grandes rios, pois são profundos como a alma de um homem.
Na superfície são muito vivazes e claros, mas nas profundezas são tranqüilos e escuros como o sofrimento dos homens."

João Guimarães Rosa

Rosa também falou de Astrologia, de um modo todo seu, assim de ladinho como um caranguejo. E profundamente, como um crocodilo do Rio São Francisco. Confiram este ensaio que bubliquei na Revista Mafuá da UFSC sobre o Recado Astrológico: o Baile de Guimarães Rosa.

Rosa é, decididamente, uma das minhas paixões :-)
Continue lendo...

A terapia sagitariana do Analista de Bagé

 
Certas cidades não conseguem se livrar da reputação injusta que, por alguma razão, possuem. Algumas das pessoas mais sensíveis e menos grossas que eu conheço vem de Bagé, assim como algumas das menos afetadas são de Pelotas. Mas não adianta. Estas histórias do psicanalista de Bagé são provavelmente apócrifas (como diria o próprio analista de Bagé, história apócrifa é mentira bem educada) mas, pensando bem, ele não poderia vir de outro lugar.

Pues, diz que o divã no consultório do analista de Bagé é forrado com um pelego. Ele recebe os pacientes de bombacha e pé no chão.

— Buenas. Vá entrando e se abanque, índio velho.

— O senhor quer que eu deite logo no divã?

— Bom, se o amigo quiser dançar uma marca, antes, esteja a gosto. Mas eu prefiro ver o vivente estendido e charlando que nem china da fronteira, pra não perder tempo nem dinheiro.

— Certo, certo. Eu...

— Aceita um mate?

— Um quê? Ah, não. Obrigado.

— Pos desembucha.

— Antes, eu queria saber. O senhor é freudiano?

— Sou e sustento. Mais ortodoxo que reclame de xarope.

— Certo. Bem. Acho que o meu problema é com a minha mãe

— Outro.

— Outro?

— Complexo de Édipo. Dá mais que pereba em moleque.

— E o senhor acha...

— Eu acho uma pôca vergonha.

— Mas...

— Vai te metê na zona e deixa a velha em paz, tchê!

Luis Fernando Verissimo 
Continue lendo...

Giovedì, para o alto e avante!

Para o alto e avante de Marcelo Dalla

Bom dia, bom dia, bom dia, meus queridos bailarinos! Viram que linda essa ilustração aí acima? É do  talentosíssimo Marcelo Dalla. Conheçam o seu blog, o Dalla Blog, e lá encontrarão muitas e muitas outras belas ilustrações.

E a Lua segue cavalgando o Sagitário, cheia de otimismo e entusiasmo. De manhã, a Lua quadra com Marte em Virgem. E o povo pode ficar esquentadinho e irritadinho, com o pavio curtinho, curtinho por qualquer bobagenzinha. E querendo fazer tempestades em copo d'água. O melhor é ocupar  o corpo e a cabeça com tarefas úteis, certo? E já falei aqui outro dia, fique longe de qualquer situação onde a animosidade prolifera. Porque não é bom, não faz bem e o Sol em Câncer segue ainda quadrando Júpiter em Áries e se aproxima cada vez mais da oposição com Plutão. E oposição com Plutão é aquilo, né? O adversário pode ser bem mais poderoso. 

Mas voltando à nossa super Lua, depois do meio dia, Ela  sorri para a Vênus leonina, a Vênus rainha, exibida, fogosa e -toda-coração. Ai o dia fica quente e elegante, para o alto e avante como a bela ilustração do Marcelo.  Ou como diz a Gal ' nas trincheiras da alegria o que explodia era o amor..' E hoje é dia de São João. Dia perfeito para festa, alegria e para pular fogueira:



E para finalizar, hoje temos também Hermes-Mercúrio com suas super sandálias aladas geminianas quadrando Saturno pé-no-chão. E o desafio de não perder-se por ai, pulando de galho em galho, é grande. Saturno virginiano olha torto para a macaquice geminiana. Mercúrio se despede de Gêmeos hoje e deve presta contas a Saturno. Dica: faça uma lista do que tem para fazer e faça. E fez. Tá feito. E pronto! E se não fizer, Saturno vai vir puxar as orelhas. Eu já fiz a minha e já  risquei alguns itens aqui. S'imbora!

Buon giovedì!
Continue lendo...

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Mercoledì: do tango argentino para o mundo

Buongiorno, ballerini miei!

O dia amanhece com a Lua em Escorpião no céu. E tudo fica intenso e apaixonado à nossa volta com esta Lua. Ontem assisti a um lindo espetáculo de tango argentino no Festival Latino Americano em Milão. E esta foi a melhor foto que consegui fazer. Estava tudo muito escuro. E o escuro cai muito bem para o misterioso Escorpião, né não?


E com o Sol a pino, a Lua fascínio faz sextil com Saturno e quadra Netuno. E a gente pode trabalhar desanimado, OU colocar boas doses de fantasia no nosso dia. Paixão também, por que não? Quem vive apaixonado por si, pela vida, por algo ou alguém, toma uma distância sadia dos próprios problemas e estes acabam por perder a força. Ficam pequeninos de frente ao encantamento de estar vivo. E uma vez pequeninos, mais fáceis de resolver.

Já por volta das três da tarde, a Lua ingressa Sagitário. E vai do tango argentino para o mundo. A Lua em Sagitário é otimista, cheia de deuses nas costas e sai pro mundo a abraçá-lo com as pernas. Então, o dia é propício às viagens de todo tipo: avião, carro, trem, bicicleta ou livro. O dia pede filosofia. O dia é pura alegria. E dá até vontade de experimentar um prato exótico da República Dominicana, ou mesmo de Gana. Vale tudo, só não vale querer impor a sua verdade, certo?

Não bastasse tudo isso, o dia abraça Urano, abraça a novidade. A inovação. E depois sorri para Júpiter em Áries. Otimismo e entusiasmo pouco é bobagem. O dia é ousadia e iniciativa. Cabelo solto ao vento. É Capitão Rodrigo sorrindo com a boca cheia de dentes. O dia pede um esporte, porque esporte é sempre muito bom para canalizar e fazer circular a energia.

E neste dia de Mercúrio, o deus dos pés alados está a aplicar um trígono ao deus dos mares, Netuno. E o dia de hoje e de amanhã é também inspirado, cheio de sonho e insPIRAÇÃO. É Hermes embriagado compondo canções e poesias. As coisas tão mais lindas do mundo:



Buon mercoledì! 
Continue lendo...

terça-feira, 22 de junho de 2010

Martedì, 'não sei de nada, mas desconfio de muita coisa'

Bom dia, bom dia, bom dia, flores do dia! Quem me soprou o título do post de hoje foi Riobaldo do Grande Sertão: Veredas


Riobaldo de Fernando Fiuza

Por aqui faz um belo dia de Sol. A temperatura, decididamente, não é ainda de verão, mas dizem que no final da tarde vai chegar aos 27°C. Assim espero. E por aí? Muito frio?

E hoje é terça-feira, dia de Marte. Marte está em Virgem e a Lua está no Escorpião. O dia continua pedindo concentração e ações precisas. Neste exato momento tem dois moços ali na minha cozinha trocando a dobradiça de uma porta. Dobradiça essa que não se achava em parte alguma. É, mas Marte em Virgem na minha casa 4 veio pra gente resolver as pendengas aqui de casa, nos mínimos detalhes. Ainda bem. E você? Por onde é que anda o guerreiro da prestação de serviços aí no seu mapa?

E o Sol hoje faz quadratura exata com Júpiter, portanto em situações arriscadas o melhor é não se deixar levar pelo excesso de autoconfiança, certo? Ainda que a vontade e a disposição estejam prontas e loucas para lançar-se no mundo, é necessário um mínimo de cuidado e proteção neste período.

Sol em Câncer quadrando Júpiter e Urano em Áries e se opondo a Plutão. O melhor a fazer é continuar a construir os passos das nossas mudanças, com humildade frente ao mistério da vida, com seus buracos, como diz o Riobaldo. Porque ações desenfreadas baterão de frente a mil bloqueios e empecilhos. E para lições de humildade, Marte em Virgem, dispositor de Júpiter e Urano em Áries, nos ajuda e muito. E no auxilia também a sábia inocênca das crianças diante da grandeza e da beleza da vida.

E para a Lua em Escorpião e para o céu do dia, esta pérola:



Buon martedì! 
Continue lendo...

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Lunedì, Sol em Câncer

Ophelia di Waterhouse

Buongiorno, bailarinos!

Como foram de final de semana? Se divertiram com os amigos?

E esta semana começa com troca de Estação:  é o Inverno no Hemisfério Sul e o verão no Hemisfério Norte. Hoje, num dia de Lua, por volta das 9 da manhã, o Sol ingressa o Caranguejo, Câncer. E depois de passar pelo período de trocas intelectuais, de curiosidade e de muito movimento de Gêmeos, o nosso heroi adentra as águas de Câncer. Em Câncer tudo é emoção. E recordação. Em Câncer, o Sol encontra a Alma, encontra o útero. E a proteção e o cuidado tornam-se indispensáveis. A imaginação também. É em Câncer que nasce a vida, é em Câncer que nasce a criatividade. E para que ambas cresçam, é preciso nutrição e cuidado.

Por aqui, nesta época, começam as férias de verão. As escolas param de funcionar, os professores saem de cena e são as mães que entram em ação, ou alguém da família. Os avós, por exemplo. Astrologia funciona mesmo, né?

Agora,  o Sol entra no Caranguejo e já começa a aplicar uma oposição a Plutão e uma quadratura a Júpiter e Urano em Áries. E esses aspectos tendem a se intensificar nos próximos dias. Uia! Proteção demais sufoca e fere. O céu convoca o povo à mudança. E quem não abraçar este desafio, acaba tendo que mudar na marra. É nascimento com fórceps para acordar quem estiver dormindo. No entanto, quem está em harmonia consigo mesmo, com o escuro do seu mundo e com o céu, abraça a mudança mais facilmente. E sem dramas.

Por isso tudo e mais um pouquinho, desconfie das previsões trágicas, certo? Somos nós que fazemos nosso mapa vibrar. E fazemos isso em vários e diferentes níveis. Trânsitos difíceis encerram sempre um grande potencial de mudança e de crescimento. Basta lembrar do momentos em que mais crescemos e nos desenvolvemos. Na grande maioria das vezes, são nos momentos de desafios que isso acontece. Quem entende isso, já percorreu metade do caminho. E faz da mudança sua aliada. Agora, cuide-se! Fique longe de qualquer pessoa ou ambiente em que animosidade prolifera. Violência só destroi, além de ser uma coisa muito deselegante. Vide o jogo de ontem, não é mesmo? A Costa do Marfim resolveu apelar e o jogo ficou feio e perigoso.

E hoje a Lua ingressa Escorpião. E já faz bom aspecto com o Sol em Câncer. E a gente aproveita a intensidade de sentimentos para regar a própria vida. Água é abundância. E a semana começa assim, profunda, intensa e sensual. Boa para quem precisa se concentrar,  imprimir velocidade aos projetos com determinação. E ainda, hoje à noite, a Lua poderosa faz sextil com o Marte em Virgem. E aí une-se a fome com a vontade de comer. Tudo que requeira técnica, estratégia, análise e concentração está mais do que favorecido.

Boa semana para todos nós!
Continue lendo...

domingo, 20 de junho de 2010

Domenica, que beleza!

Sol em Gêmeos e Lua em Libra no céu. Que beleza, que beleza. Final de semana para estar a dois e com os amigos também. Todo mundo junto. Feliz, festando e conversando muito :-)

A Festa junina do Ibrit foi ótima. Apesar da chuva, veio muita gente. E todo mundo se divertiu. Eis a noiva:
Vou casaaaaar \0/

Olhem os noivos: (a noiva grávida e o marido bêbado)

O padre e os pais da noiva:



E lá vai o povo  fazer o caminho da roça e o balancê:



E, hoje,  as festas e os encontros continuam aqui, aí e acolá. A Lua em Libra sorri para Mercúrio e o povo todo vai se reunir para ver o jogo da Itália x Nova Zelândia e depois Brasil x Costa do Marfim.

Evviva os amigos, as boas conversas, as parcerias e os amores, né não?

Aproveitem o domingão.
Continue lendo...

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Sabato, para dançar a quadrilha a dois

Bom dia, belos bailarinos!

O dia amanhece com a Lua no signo da bailarina: Libra! E a diplomacia, o bom trato e a gentileza tornam-se in-dis-pen-sá-veis. O problema é que nesta manhã de sábado, a Lua se opõe a Júpiter e a Urano em Áries. O povo insatisfeito não sabe bem ainda pra onde ir. A manhã será meio nervosinha, sujeita a imprevistos. Dica: se puder, fique em casa descansando a beleza, certo?

Ao meio dia, a Lua bate um papinho forte com Plutão e a intensidade entra no prato do dia. Para os que tem já intimidade com o escuro do próprio mundo, são só mais algumas horas de relacionamento com o si mesmo. Tão essenciais e regeneradoras. Para quem não tem, é sempre tempo de começar.

À tarde a Lua sorri para Vênus. E aí a Lua em Libra mostra seu melhor. O dia fica afeito aos relacionamentos, à alegria e à festa. Viva! Gente nasceu para amar e brilhar, sim sinhô, sim senhora. Dia festa, dia de pular a fogueira. Eu até irei me casar na Festa de São João. Não tem tudo a ver? Amanhã ponho fotos aqui e conto tudinho, tudinho.

E sempre que tem Gêmeos e  Libra no céu eu lembro desta música:



E tem mais, hoje o Astro Rei em Gêmeos sorri para Netuno em Aquário. O que seria da gente sem os amigos, os projetos e os sonhos para o futuro? Sem humor e sem a leveza? Hoje é dia de agradecer e se embevecer com essas pessoas que nos fazem pirar, tirar os pés do chão. Que nos ajudam a rir de nós mesmos. Que nos fazem sonhar com outros mundos. Que fazem tudo ser mais divertido. Que nos ajudam a plasmar o futuro alegrando o presente. Agradeço, agradeço e os reverencio mil vezes.

Buon sabato!
Continue lendo...

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Venerdì, quase Lua crescente

Bom dia, flores do dia!

Hoje é sexta-feira, dia da Bela Vênus, tralá-lalalá, tralá-lalalá, tralá-lalalá. :-)

E a Lua em Virgem segue pondo ordem no céu. Faxinando aqui e ali. Trabalhando pra valer. E como Virgem é afeito aos trabalhos manuais e hoje é dia de Vênus, que tal fazer as unhas? Eu até trabalho melhor de unhas feitas. E além das unhas, vou costurar uns laços no meu vestido de noiva. Porque amanhã me casarei, de novo,  no Arraial do Ibrit. Para quem estiver em Milão, fica o convite: 



Esta foto é da Festa Junina do ano passado. Eu estou ali grávida ( de mentirinha) e puxando a quadrilha:



Mas antes da festa, antes da Lua chegar em Libra e da gente dançar a quadrilha a dois, tem muito trabalho pela frente. É véspera de Lua crescente e a aceleração já se sente. No início da madrugada de sexta para sábado é bem capaz do povo ficar em casa trabalhando.Conversando com os próprios botões. A Lua quadra o Sol, cresce no céu e casa com Saturno. Aproveite este movimento e não dê trela à dispersão, ok?

E s'imbora! Buon vernerdì!
Continue lendo...

Selo Gostosa Leitura

Ganhei este selo do blog Alma de Topless Obrigadíssima, Débora. Agora seguindo as regras, eu vou indicar os 10 blogs gostosinhos:

1- http://impublicavel.wordpress.com/
2-http://marcelodalla.blogspot.com/
3-http://ladyrasta.com.br/
4- http://marialuanova.blogspot.com/
5-http://vintageeblog.blogspot.com/
6-http://calmila.blogspot.com/
7-http://fiodavida.blogspot.com/
8-http://blogisabelmueller.blogspot.com/
9-http://blogisabelmueller.blogspot.com/
10-http://amandalla.blogspot.com/


Ah, e tem muitos outros blogs que leio e gosto, como vocês podem conferir à direita :)
Continue lendo...

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Giovedì, chame o Mr Musculo

Bom dia, bailarinos!

Dia de Júpiter e a Lua ingressou Virgem na madrugada de hoje. Está é Lua faxineira fascinante, vocês sabem. Ela é chegada numa arrumação. E percebe todos os detalhezinhos e imperfeiçoezinhas do próprio trabalho. Hoje é dia de costurar botão, acertar os detalhes dos seus projetos. Arrumar as gavetas da casa e do escritório e de quebra, arrumar a própria cabeça. Porque bagunça não tá com nada, né? Se está bagunçado fora, na maioria das vezes, é porque está dentro também. Só não vale exagerar na arrumação e nem na crítica. Porque daí dói.

E por falar em doer os cuidados com o corpo, com a saúde e com a alimentação são da seara desta Lua. Não é preciso virar modelo, nem atleta, nem muito menos só comer alface. Mas um mínimo de cuidados não faz mal a ninguém, né?

E hoje é dia de arregaçar as mangas mesmo. A Lua sorri para Plutão e casa com Marte. Trabalho, pique, precisão e determinação. Alguma irritação, também. Mas durma no ponto, não! Para quem faz pesquisa e análises essa configuração é ótima. Para quem é detetive e espião, também. Se alguém se puser a fazer na faxina, não vai sobrar uma bactéria pra contar história. Bom também para fazer consertos e reparações. Limpar a fossa, desentupir canos.  É o famoso trabalho sujo, mas alguém tem que fazer.

E Gêmeos não se aguenta e comunica que para qualquer problema, chame o 'Mr Muscolo'


Na madruga de quinta para sexta, a Lua se desentende com Mercúrio. O mundo liga o telefone sem fio. Fulano diz A, cicrano entende Z. Nada de conversas e nada de mandar e-mails importantes, ok? Brinque de vaca amarela :-)

E buon giovedì!
Continue lendo...

Cardápio verde-amarelo

Ontem o jogo passou à noite aqui. E eu pensei: o que fazer de janta? Foi quando no Twitter me deram a ideia de fazer um cardápio verde-amarelo, ahá! Tudo a ver! Gostei. Fui até a geladeira e decidi:

Omelete verde-amarelo



Omelete é a cara do Brasil, não? Não somente pelas cores, mas por causa da criatividade que comporta. Você pode pôr o que quiser ali.  Eu pus o que achei na geladeira.


Ingredientes
2 pessoas

4 ovos
1 cebola média
1 pedaço pequeno de pimenta vermelha
1 copo de vinho branco
1/2 dadinho de caldo de legumes
100 gr de queijo à sua escolha. Eu pus parmesão, parmigiano
1 colher de manteiga
1abobrinha média
6 folhinhas de manjericão


Modo de preparar
Frite na manteiga a pimenta e a cebola picadinhas. Acrescente a abobrinha também picada e o copo de vinho branco. Em seguida, dissolva nesta mistura o meio dadinho de caldo de legumes. Coloque o queijo. Quando tiver já evaporado o vinho e a água, e a abobrinha estiver cozida, acrescente os ovos e sal a gosto. Acrescente 4 folhinhas de manjericão picadinhas. Quando os ovos estiverem cozidos, desligue. Decore com o restante das folhinhas de manjericão no prato e, se quiser, coloque um fio de óleo de oliva extra virgem por cima. Para acompranhar, um bom vinho branco e gelado. Nós aqui derrubamos durante o jogo um Cecchi Vernaccia di San Gimignano, DOCG.



Buon appetito! #bra Brazil #worldcup

Post scriptum: para aumentar a porção: 2 ovos para cada pessoa.  100 gr de queijo e uma abobrinha para cada 2 pessoas.
Continue lendo...

Mercoledì: Waka, waka

Bom dia, buongiorno e bonjour!




Dia de Mercúrio e eu digo: Waka, waka uê, uê...:-) E a Lua em Leão segue brilhando no céu. Aquecendo nossos corações. Deixa eu lhes dizer que, até ontem, eu não estava nem aí pra Copa do Mundo. Mas foi só o dia do Brasil jogar chegar, que o coração véio se assanhou todo. Tem jeito não, o coração é brasileiro. :-) O jogo não teve lá grandes emoções, é vero, mas pelo menos acompanhá-lo pelo Twitter foi beeem divertido. Até porque os comentaristas são outros, bem mais interessantes. E isso é bom para quem está no Brasil, né não? CALA A BOCA GALVÃO. E corre a boca pequena que a Globo teria conseguido uma liminar para retirar, temporiamente, os Trending Topics do Twitter. Será? Só sei que quase ao finalzinho do jogo, os TTs voltaram.

E a festa continua nas nossas vidas, né não? A alegria de estarmos vivo. E bem vivos! Vênus leonina ainda sorri para Júpiter e Urano em Áries. O Baile segue quente, alegre, irreverente e otimista. Nossas relações também. E nossa vontade de ousar e investir em coisas novas. Invista no novo em você. No novo à sua volta, combinê?

E Marte também segue firme e forte de mãos dadas com Plutão. Se você tiver muito o que fazer, dou-lhe uma dica. Faça listas, concentre-se no mais importante. E no final do dia risque satisfeito os itens já feitos. Uma coisa de cada vez. Uma vez para cada coisa. Com garra e determinação.

No final da tarde, a Lua faz sextil com o Sol. É o ar alimentando o fogo da nossa vida. Perfeito para un aperitivo con gli amici, como se diz aqui na Itália. Ou um happy hour aí no Brasil. E em Portugal como se chama? Ou para quem ainda está no trabalho encarar as coisas com mais amor e humor: itens indispensáveis para manter-se VIVO neste mundo onde muita coisa non si capisce! Lembrei desta música do Pato Fu. Não entendo o Made in Japan, muito menos o Made in Cina e nem o Made in USA:



E no final da noite, a Lua se opõe a Netuno. Excelente para terminar o dia nos braços de Morfeu e sonhar. Deixar o incosciente embaralhar as cartas do dia. E começar um outro novinho em folha, ao despertar...

Sono e seu meio-irmão Morte (Hipnos e Tânatos), de Waterhouse

Buon mercoledì!
Continue lendo...

terça-feira, 15 de junho de 2010

One Cup, three billion hearts...*

 Em tempos de Copa do Mundo...





O anjo das pernas tortas 


Num só transporte a multidão contrita
Em ato de morte se levanta e grita
Seu uníssono canto de esperança.

Garrincha, o anjo, escuta e atende: - Goooool!
É pura imagem: um G que chuta um o
Dentro da meta, um 1. É pura dança!

Rio de Janeiro, 1962

Bailarinos, excelente texto sobre o futebol, audiência e sobre a origem etimológica da palavra futebol. Vai lá: One Cup, three billion hearts...*
Continue lendo...

A Astrologia na minha vida

Ilustração de Paula Lix 

A Gisela, leitora aqui do Baile perguntou: 'Quando exatamente você começou a se interessar por Astrologia? Desde pequena?' e eu resolvi escrever um texto para responder à pergunta. :-)

Eu entrei em contato com Astrologia, pela primeira vez, aos 19 anos. Na época, eu fazia curso pré-vestibular e meu pai havia, recentemente, retornado à sua estrela. Período forte. Eu havia conhecido a Carol, uma aquariana que se tornou uma grande e importante amiga. Pois bem, a mãe da Carol, a Lígia Brock, é astróloga. Eu fiz meu primeiro Mapa Astral com ela. E Carol e eu decidimos fazer um curso sobre Mitologia e Astrologia com o Eduardo Krug, no Terceiro Milênio. Júpiter estava em Aquário no céu da época e eu havia, definitivamente, encontrado grandes amigos. 

Depois desse curso, Carol e eu incorporamos na nossa fala tudo aquilo que havíamos aprendido de Astrologia. Nascia uma nova linguagem nas nossas vidas. O curso com o Krug foi repleto de histórias, músicas e sensações a serem experimentadas. Foi um curso bastante vivencial. Pode-se dizer que aquilo entrou na pele, na alma e no coração. E a Astrologia passou a ser a minha metafísica, através da qual eu passei a entender  o mundo,  a mim mesma e as pessoas.  Aos 21 anos saí de casa e de Porto Alegre. Todas as minhas apostilas de Astrologia foram junto comigo. Foi um período de grande crescimento. E de busca. Passei a fazer terapia e ioga e a Astrologia nesse momento tomou uma outra dimensão na minha vida, ainda mais importante e profunda.

Um ano depois, voltei para Porto Alegre, para a Universidade e estudei Astrologia nos seguintes locais: na Casa Coletânea e na Unipaz-Sul. Fui do bê-a-bá astrológico às técnicas de interpretação. Aprendi mecânica celeste, também, e a calcular mapa à mão. Li todos os confirmados da Astrologia, entre eles: Arroyo, Sasportas, Liz Greene. E curtia principalmente os livros da Liz Greene, que misturam Astrologia à psicologia e à Literatura. Passei a fazer mapas para familiares e amigos. Mapeei todo mundo. 

Conheci o Marcelo em 2000. Ele fazia Engenharia Civil na UFRGS  e havia recentemente feito uma disciplina de Astronomia. Foi nessa ocasião que a Astronomia de um aquariano e Astrologia de uma pisciana se uniram perfeitamente :-) Na UFRGS, ainda, numa disciplina de Estudo de Autor Brasileiro, escrevi um texto que unia Literatura e Astrologia: "O Recado Do Morro" do Corpo de Baile, do Rosa. Na época, eu participava assiduamente dos belos encontros do NEARS, Núcleo de Estudos Astrológicos do Rio Grande do Sul. E Guimarães Rosa foi uma grande inspiração na minha vida, em meio às tantas vertentes astrológicas existentes. Apresentei o texto na I Jornada Gaúcha de Astrologia e Transdisciplinaridade e depois o publiquei na Revista Mafuá da UFSC: Recado Astrológico: o baile de João Guimarães Rosa.

A obra me inspirou a dar nome a esse blog. Baile no Céu!  Vocês podem conferir neste post aqui, o primeiro post do Baile. E entendi, também, com o passar do tempo, que pra mim Astrologia é  linguagem e estética. É arte que ensina, encanta e cura. Em 2003, passei a atuar profissionalmente. Apresentei outros trabalhos e escrevi outros textos unindo Astrologia à Literatura. Me formei em Língua Portuguesa e Literaturas de Língua Portuguesa, depois segui estudando Letras: ênfase de Língua e Literatura Italiana. Em 2007, vim pra Itália e nasceu este Blog aqui que vocês conhecem. Traduzi para o italiano a página da Proposta da CNA , escrevi uma entrevista que fiz com um Astrólogo Italiano: Marco Gambassi e colaborei por um tempo no Saturnália. E a Astrologia segue na minha vida, como minha metafísica, como instrumento que me ajudou a crescer, como uma grande paixão que virou amor e profissão. 

Gi, respondido? :-) Adorei a pergunta e adorei vir aqui puxar do fio da memória esse percurso todo.
Continue lendo...

segunda-feira, 14 de junho de 2010

Martedì, meu coração amanheceu pegando fogo, fogo, fogo!

Dia de Marte, bailarinos do meu coração!

E a Lua ingressou Leão na madruga, botando fogo no céu e na roupa. Lua em Leão esquentando os ânimos, o astral e o coração dos viventes. Lua em Leão para brilhar e aparecer, why not? Lua em Leão para ousar e exibir-se ao mundo à luz do Sol. Subir no palco da sua vida. E a Lua alegria e casa cheia - sim porque você já notou que quem tem essa Lua é casa cheia?- sorri para um bocado de gente no céu: Vênus leonina, Júpiter e Urano em Áries. O céu tá pegando fogo, assim:



Aproveite este dia cheio de pique e animação. E s'imbora. Porque a vida é pra ser vivida assim também, com muita emoção. É para seguir em direção à mudança e ao novo, sem medo. Com alegria e ousadia, certo?

A Lua também baila feliz com Mercúrio, no final da tarde. Movimento e alegria poucas são bobagem. O dia é publicidade e propaganda. Comunicação e expressão. Lembram dos livros de português da escola? É bem isso: Mercúrio em Gêmeos comunica e Leão se expressa. Então, bailarino, divulgue seu trabalho, abra seu coração.

Ah, e neste dia de Marte, o Guerreiro segue firme e forte no seu passo com Plutão. Garra e determinação para mim e pra você. Axé!

E buon martedì!
Continue lendo...

Para ficar na memória

Sol em  Gêmeos e Lua em Câncer no céu e tivemos aqui em casa um domingo com amigos que ficará na memória. Despedidas...para futuros reencontros. Amigos de casa. Amigos de uma vida, como disse o Giacomo. E não importa quanto tempo levará para nos vermos de novo, seremos sempre amici #chorei



.
Continue lendo...

domingo, 13 de junho de 2010

Lunedì, Vênus em Leão

Buongiorno, bailarinos!

Lua em Câncer no céu nesta segunda-feira, dia de Lua. E o astral do dia segue sensível, familiar e cuidadoso. Ainda mais que à noite é a vez da Lua sorrir para Saturno. E as emoções se acalmam, põem os pés no chão.

Que fazes tu ó Lua no céu? Diga-me o que fazes
silenciosa Lua?
Surge à noite e vai
contemplando os desertos; divina te pousa.



Giacomo Leopardi

E hoje a Bela, a Vênus e ingressa Leão. E o verbo amar passa a conjugar-se no imperativo. Vênus em Leão é rainha, é fiel e sabe do seu valor. É Vênus pra lá de íntegra. E troca afeto de modo quente, alegre e apaixonado. Vênus em Leão não passa desapercebida, não. É Vênus solar, Vênus palco. Aqui no hemisfério norte, a Vênus em Leão vai pra praia tomar banho de sol.


A Bela em Leão fica cheia de vitalidade, de calor humano e é toda coração. Seu cinturão é dourado, seu corpo bronzeado. E Ela é também um tantinho mandona, mas vai lhe dizer/convencer, orgulhosa, que isso é para o seu bem.  :-)

E esta Vênus ingressa Leão e já sorri para Júpiter e Urano em Áries. E o Amor fica cheio de otimismo, ainda mais ousado e grande como o mundo. Louco pra fazer coisas diferentes. E não só no amor. Nas transações financeiras, o povo fica cheio de iniciativa, querendo assumir riscos. Ousar nos investimentos. Invista em si mesmo. Invista no novo. E s'imbora!

Ah, e hoje temos também Marte em Virgem sorrindo para Plutão em Capricórnio no céu. E o guerreiro não dá ponto sem nó, não. Começa a semana cheio de garra, de estratégias e de recursos para atingir seus objetivos. Ação precisa, tiro certeiro. Marte ainda mais cirurgião.

Então vamos lá, mais um dia, mais uma semana novinha em folha pra gente viver! 

E buon lunedì!
Continue lendo...

sábado, 12 de junho de 2010

Domenica: Lua em Câncer

Bom dia, flores do dia! Hoje a gente começa a riscar o Pedido à Lua, certo?

Domingão com a Lua em Câncer no céu. Domingo para estar com a família, com os seus. Com amigos íntimos. Afinal o Sol está em Gêmeos e os amigos não podem faltar. Que o  movimento seja então em casa. Câncer é o lar, o sentimento, a memória. É nutrição. Ah, neste domingo, virão 3 casais de amigos, aqui em casa. Começamos já com as despedidas snif snif snif. E as saudades já vêm antecipadas. Lua em Câncer para sentir. E com Ela pode até pintar um chororô. Tem problema, não. O choro lava a alma. Deixa tudo branquinho, como as águas de Câncer.

Lua em Câncer para pedir carinho, cafuné e chamego. Para fazer aquela comida com cuidado e amor. Sazon? :-) Para cuidar da sua casa, proteger e lamber suas crias.  Quem ama cuida, é o que diz a Vênus que sorri para o Saturno-pés- no-chão. Eu vou cozinhar aqui, pois ir pra cozinha me acalma, me alegra e é uma das formas com que demonstro meu amor às pessoas.

E a Lua em Câncer se opõe a Plutão em Capricórnio. Lua em Câncer para sentir até o fundo do tacho. E a gente sente o escuro do mundo, conecta com sentimentos intensos. Melancolia e nostalgia. Memória e história nessa nossa vida feita de alma, mas também do tic-tac do relógio. Do tempo que constroi, cobra e passa. Do sentimento que cria a vida, lava e transborda. Da vida que segue seu curso. Lembrei do riacho do Manuelzão, no conto "Uma Estória e Amor", do Corpo de Baile do Rosa, conhecem? Queria ter o livro à mão para pôr um trecho. Fica para o mês que vem :-)

E para completar, a Bela e sensível Vênus em Câncer se despede do céu:





Na segunda-feira, Vênus ingressa Leão, uhú! Mas amanhã a gente fala nisso.

Buona domenica! 
Continue lendo...

Faça sua declaração de Amor!!!

Na foto, Mercúrio com seu caduceu

Faça sua declaração, ou sua mandinga. É Dia dos Namorados, meus queridos! uhú! Para quem o tem, para quem o espera, para quem namora a si mesmo e para quem está à procura. E Gêmeos comunica, né não?

Então, deixe aqui sua decaração de amor, sua reza, seu pedido, ou apelo. Pode ser uma música, uma poesia, algo escrito por você, uma súplica, uma imagem...você é que escolhe.:-)

Eu abro os trabalhos e deixo esta para o moço aqui de casa: I want you so bad...

E segue a Declaração da Ligia, por ela mesma:

Se não for você, que seja como você!
Que atropele e ame, mas não machuque...
Que seja fio terra e calmante, sem sufocar minha intelectualidade, nem desafiar minhas furias...
Que seja parque de diversão e jamais um campo de batalha! 


 'Pensando em família' deixou esta:


Que não seja um dia
Que não seja uma noite
Seja sim, cada momento que estejamos juntos em harmonia
com o nosso amor.  

Esta é da diretíssima Gisela:

Eu ainda gosto de uma pessoa mas não sei se ela é legal para mim, então meu real pedido desde a morte de meu pai (e até antes disso) é: marido rico e que haja um tantinho de amor. Hoje sou prática e dane-se o que psicanalistas digam ou pensem. Casa e baby. Toda mulher quer macho protetor em todos os sentidos.

Trabalho não tenho lá fé que vá mudar tanta coisa e que eu ganhe muito mais do que acho que vou ganhar daqui uns 2anos. Quero encontrar um só foco e que me permita viver bem tirando o dindim desse foco. E o marido rico é figuração, mas vai bem.. Ou vcs acham que vou contar com o ovo no fiofó da galinha? Jamais de la vie. Beijo! Bisous! Bacios!
 

Da LuMiLanoV

 
Continue lendo...

sexta-feira, 11 de junho de 2010

Pedido à Lua, Lunação de Gêmeos e Dia dos Namorados

Parque St. James, Londres

Buongiorno, meus queridos bailarinos! Feliz dia dos Namorados!!!!! A quem namora, a quem é casado e namora há anos e a quem namora a si mesmo - enquanto espera pela metade da maçã aparecer. Distraidamente ...


'Havia a levíssima embriaguez de andarem juntos, a alegria como quando se sente a garganta um pouco seca e se vê que por admiração se estava de boca entreaberta: eles respiravam de antemão o ar que estava à frente, e ter esta sede era a própria água deles. Andavam por ruas e ruas falando e rindo, falavam e riam para dar matéria peso à levíssima embriaguez que era a alegria da sede deles. Por causa de carros e pessoas, às vezes eles se tocavam, e ao toque - a sede é a graça, mas as águas são uma beleza de escuras - e ao toque brilhava o brilho da água deles, a boca ficando um pouco mais seca de admiração. Como eles admiravam estarem juntos! Até que tudo se transformou em não. Tudo se transformou em não quando eles quiseram essa mesma alegria deles. Então a grande dança dos erros. O cerimonial das palavras desacertadas. Ele procurava e não via, ela não via que ele não vira, ela que, estava ali, no entanto. No entanto ele que estava ali. Tudo errou, e havia a grande poeira das ruas, e quanto mais erravam, mais com aspereza queriam, sem um sorriso. Tudo só porque tinham prestado atenção, só porque não estavam bastante distraídos. Só porque, de súbito exigentes e duros, quiseram ter o que já tinham. Tudo porque quiseram dar um nome; porque quiseram ser, eles que eram. Foram então aprender que, não se estando distraído, o telefone não toca, e é preciso sair de casa para que a carta chegue, e quando o telefone finalmente toca, o deserto da espera já cortou os fios. Tudo, tudo por não estarem mais distraídos.'

Por não estarem distraídos, Clarice Lispector

in "Para não esquecer" - 5ª ed. - Siciliano - São Paulo, 1992


E no Dia dos Namorados, a bela, sensível e protetora Vênus em Câncer sorri para Saturno pés-no-chão. Quem ama cuida, quem ama quer o seu bem. Quem ama quer estar junto. E, a não ser que você não queira comprometimento, fuja do papinho aranha, combinê? E tenha um Amor por inteiro. 




E a Lua está em Gêmeos movimentando o céu e os ânimos. Pondo pitadas de humor e inteligência no dia.


E além do Dia nos Namorados, no dia 12 acontece o casamento da Lua e do Sol. E eles vão bailar juntinhos como numa Festa de São João, cheios de alegria e leveza. É mais uma Lua Nova inaugurando um novo ciclo em nossas vidas. E é em Gêmeos, portanto o movimento, a comunição e a negociação com o mundo são imperativos. Ainda mais que o regente da lunação está em Gêmeos, também. O deus Hermes-Mercúrio com seus pés alados está nos Gêmeos, em casa, traduzindo com inteligência a mensagem dos deuses. Lua Nova para bailar conforme a música, com a brisa. Com flexibilidade e simpatia. 

Essa lunação aplica uma quadratura a Saturno em Virgem e traz um desafio que é o seguinte: não dispersar-se muito, a despeito de tanto Gêmeos no céu. A lunação quadra com Saturno com uma orbe ainda grande. Mas com o passar dos dias, ela vai se intensificar ainda mais, até ficar exata no dia 19 de junho. Em plena Lua Crescente. Por isso é preciso manter o foco e não ficar mudando de idéia a todo instante só para fugir do que se deve fazer, combinado?  Gêmeos corre o perigo de se dispersar, vocês sabem.

Faça, então, seu pedido à Lua, ritualize, imante uma intenção até a chegada da fase cheia no dia 26 de junho. A Lua Nova é de Gêmeos, portanto peça para ter em mãos e nos braços a eloquência, a curiosidade, a vontade de aprender mais e mais, sem perder-se. Peça por capacidade de negociação e por flexibilidade para trocar e respirar em harmonia com o mundo. E assim aprender e crescer. Se souber em que casa cai a lunação de Gêmeos, no seu mapa, peça para ter jogo de cintura ali, para desenvolver a comunicação, as capacidades intelectuais. Se não souber em que casa cai, mande seus dados para danischeifler@gmail.com que eu respondo nos comentários com duas palavrinhas, combinado? A resposta leva em consideração a casa em que cai a luanção, o regente da lunação, Mercúrio, e os demais aspectos. :-)

E faça um pedido com leveza e para o bem. Para o seu bem, certo?

Agora, voltando à Mandala propriamente dita, ela se chama Nitya Saktis. Fiz já por diversas vezes, como vocês bem sabem, e gostei dos resultados, por isso compartilho again, again e again.

Para quem não lembra, os passos são os seguintes:

1- Elabore um pedido que queira fazer à Lua, algo que seja para VOCÊ. Tenha responsabilidade com o seu pedido. Pode ser com relação a algo que você queira aprender. Pode ser um pedido por mais flexibildade, por mais e mais contatos, para melhorar sua comunicação com o mundo. Para ver a vida com mais humor . Você escolhe. É interessante pensar em algo que possa ser trabalhado durante o período da lunação. Durante os próximos 29/30 dias.

2- Depois, pegue um pedaço de cartolina e desenhe um círculo na frente e outro atrás, com um prato;

3- No círculo de trás você escreve o seu pedido;

4- Na frente você começa a pintar as nesgas, as tiras de Lua, a partir do segundo dia da Lua Nova, ou seja, a partir do dia 13/06.

5- Pinte-as, a partir de cima e do centro do círculo, e cada dia reforçe o seu pedido, imantando a idéia;

5- Faça isso por 16 dias até a Lua chegar à fase cheia, no dia 26 de junho;

6- No último dia você pinta agradecendo à Lua como se já houvesse atingido o seu desejo.

E, por favor, conte aqui, na próxima Lua Cheia, se obteve resultados, ou não, tá?

Assista o eu vídeo amador de como fazer o pedido à Lua, na prática :-) 

E buon sabato!


Continue lendo...
 

Sites amigos

  • Um teto todo meu - Saindo da escola vi aquele prédio antigo, imponente e cor de creme compondo o centro de uma praça com um chafariz. Nele estava escrito: Biblioteca Municip...
    Há 3 semanas

Atendimentos

Entre em contato comigo pelo e-mail danischeifler@gmail.com Ou pelo Skype Daniela Scheifler

Sites amigos

Text

Baile no céu Copyright © 2009 WoodMag is Designed by Ipietoon for Free Blogger Template